WEST 1

Intercâmbio

  • Nossos Destinos
  • Austrália
  • Canadá
  • Irlanda
  • Nova Zelândia
  • Sobre nós
  • Blog
  • Nossos Serviços
  • Sobre a WEST 1
  • Social Media links
  • West 1 TV
  • Escolas e Cursos
  • Agências
  • Fale Conosco
  • Intercâmbio em Perth Austrália

    PERTH

    Snapshot

    Overview

    População

    2.004.696 (Jun/2017)

    Área

    6.418 km²

    Fuso Horário

    Em relação ao Horário de Brasília: +11h

    Código Telefônico

    08

    Localização (Região)

    Western Australia

    Data de fundação

    12 de agosto de 1829

    Índice de melhor cidade para se viver

    Colocação: 39ª (2018)

    Densidade demográfica

    317.736/km² (2017)

    Custo de vida

    Estimativa mensal para uma pessoa (sem aluguel): AU$ 1.207

    Temperatura média

    Mínima média anual: 12,5 °C - Máxima média anual: 25,1 °C

    Climate

    Com céu azul durante a maior parte do ano, Perth possui clima mediterrâneo com verões longos, quentes e secos, e temperatura média variando de 27 a 30 °C durante o dia, e 15 °C durante a noite. Os invernos são amenos com dias ensolarados, chuvas ocasionais e temperaturas médias de 18 a 21 ºC, com mínimas entre 9 e 12 ºC.

    Lifestyle

    Ao mesmo tempo em que é uma capital moderna e multicultural, ainda é uma cidade com estilo de vida calmo.

    History

    Com receio de que os franceses se estabelecessem no oeste da Austrália, os ingleses fundaram a colônia de Western Australia, que se desenvolveu em dois lugares: na zona portuária, que foi nomeada Fremantle em homenagem ao capitão Charles Fremantle, um dos primeiros europeus a desembarcar na região; e em Perth, fundada em 12 de agosto de 1829.


    Diferentemente de New South Wales, em vez de fazer uma colônia de prisioneiros, o governo optou por vender as terras a preços módicos para alguns cidadãos. Porém, como a população e, consequentemente, a mão de obra, eram escassas, o desenvolvimento da cidade foi lento. A solução, então, foi trazer condenados de New South Wales, que ajudaram a construir pontes, estradas e edifícios, incluindo os atuais Colonial Hospital e Perth Town Hall.

    O primeiro grande crescimento populacional em Perth começou na última década do século XIX, quando houve a corrida do ouro para o oeste australiano. Neste período, Perth ganhou energia elétrica, os primeiros bondes elétricos e a renomada University of Western Australia, fundada em 1911. Já o início do século XX, com as duas Grandes Guerras e a Depressão Econômica de 1929, foi muito difícil para Perth, com 10% de sua população indo para o front e um quarto de seus moradores sem emprego.

    Passada a Segunda Guerra, houve um segundo ciclo de crescimento em Perth, puxado pelo aumento da natalidade e pela imigração, e também pela descoberta de recursos naturais como minério de ferro, gás natural, bauxita e ouro no norte do estado. Os anos 1980 viram um fenômeno curioso, quando a população de Perth City diminuiu de 16 mil para 5 mil residentes, enquanto que a população dos subúrbios da Grande Perth cresceu rapidamente. No caminho oposto, nos anos 1990 houve uma reestruturação da economia de Western Australia, trocando a industrialização pelos serviços. Bairros centrais como East Perth e New Northbridge revigoraram a cidade, que voltou a crescer e se modernizou, a ponto da população de Perth ter mais do que dobrado entre 2001 e 2015.

    Cost of Living

    Estimativa mensal para uma pessoa (sem aluguel): AU$ 1.207

    Public Transport

    Trem, ônibus e balsa são as três principais opções de transporte público em Perth, sendo que a cidade é o principal ponto de conexão para toda a área metropolitana. O governo local, como em boa parte da Austrália, incentiva a população a deixar o carro em casa, e uma das maneiras é através dos ônibus CAT (Central Area Transit), que operam em rotas regulares dentro da zona Perth CBD e são um serviço gratuito aos moradores e visitantes a fim de reduzir os congestionamentos. Quem também tem benefícios são os estudantes internacionais, que possuem 40% de desconto em todos os transportes públicos de Western Australia.

    O uso de bicicleta é bastante comum em Perth, nas ruas e ciclovias, seja para recreação, esporte ou deslocamento. Para se ter uma ideia da popularidade, entre 1998 e 2009 o número de ciclistas aumentou 450%. E as próprias concessionárias de transporte público incentivam o uso da bike, permitindo que seja transportada gratuitamente nos trens nos finais de semana, feriados e fora dos horários de pico nos dias de semana, e a qualquer dia ou hora nas balsas.

    Estude e trabalhe
    em PERTH

    Localizada no extremo oeste do continente australiano, Perth, a capital de Western Australia, também é conhecida como a capital mais isolada do mundo. Para se ter uma ideia, é mais rápido chegar em Jacarta, na Indonésia, do que em Sydney. Western Australia é o maior estado do país e abriga a maior parte do Outback australiano. Quase 80% da população de WA vive na região da Grande Perth, fazendo da cidade a quarta maior do país e com projeção para se tornar a terceira maior em 2050, atrás apenas de Sydney e Melbourne.

    Cidade calma, bonita e com um agradável clima mediterrâneo, Perth é banhada pelo Rio Swan e pelo Oceano Índico. As praias, de águas azuis e areias brancas, são boas para o surfe. Mas se a ideia é pegar algumas das melhores ondas do mundo, Margaret River está logo ali, a cerca de três horas e meia de carro ao sul, região que também é famosa pelos ótimos vinhos que produz.

    Você sabia?

    • 'Fundação'

      Para marcar a fundação de Perth, em 12 de agosto de 1829, foi cortada uma árvore no local onde hoje é o Kings Park;
    • 'Rica'

      Há muitos milionários em Perth por conta da crescente indústria de mineração;
    • 'Soooooool'

      Perth não é apenas a capital mais isolada do mundo, mas também a mais ensolarada. A cidade proporciona cerca de 8 horas de sol em média por dia;
    • 'Remota'

      A capital mais próxima de Perth é Adelaide, a mais de 2.200 km de distância;
    • 'Jovem'

      A média de idade da população de Perth é de 36 anos e da população da Austrália é de 38 anos.
    • 'Como assim?'

      Perth é a única cidade no mundo em que você pode pilotar seu próprio avião e aterrissar no meio do centro da cidade;
    • 'Maior do mundo'

      O Kings Park em Perth é um dos maiores parques dentro do perímetro urbano do mundo.

    Saiba tudo sobre intercâmbio em PERTH

    Descubra por que estudar em Perth com a WEST 1

    FAQ

    • 1) Por que estudar em Perth

      Cidade moderna com excelente infraestrutura, belezas naturais, ar limpo, rios e oceano, Perth possui três universidades entre as 550 melhores do mundo, segundo o QS World University Rankings 2018, sendo que a University of Western Australia está entre as 100 melhores (93a) e é a sétima entre as universidades australianas. UWA, como é conhecida, abriga mais de 5 mil estudantes internacionais de 100 países. Curtin University (262a) e Murdoch University (501-550a) são as duas outras universidades que completam a lista, sendo que a Murdoch, localizada a leste de Fremantle, 20 minutos do centro de Perth, é a segunda universidade mais antiga da Austrália e possui o maior campus do país. De acordo com o mesmo QS World University Rankings 2018, Perth é a 39a melhor cidade do mundo para estudantes, ficando em quinto entre as australianas. Ao todo são 21 instituições de ensino de nível mundial, que estão espalhadas pelos distritos de Perth CBD, East Perth e Mount Lawley, incluindo unidades do TAFE. Já as escolas de inglês estão concentradas em Perth CBD, West Perth, Northbridge e Scarborough Beach. Nesta área central conhecida como CBD, ou distrito industrial, os ônibus são gratuitos. E em todo o estado de Western Australia, estudante internacional tem 40% de desconto nos transportes públicos.
    • 2) 8 Motivos para estudar em Perth

      1. Estudante pode trabalhar 40 horas por quinzena (e em tempo integral durante as férias);
      2. Eleita a 39a melhor cidade do mundo para estudantes pelo respeitado QS World University Rankings e a 5a da Austrália;
      3. Possui três universidades entre as 550 melhores do mundo;
      4. University of Western Australia está entre as 100 melhores (93a) do mundo e é a sétima entre as universidades australianas;
      5. Estudante internacional tem 40% de desconto nos transportes públicos;
      6. Clima mediterrâneo;
      7. Maior cidade do oeste australiano;
      8. Cidade moderna, multicultural e, ao mesmo tempo, calma.
    • 3) Sobre Perth

      A Grande Perth é o lar de pouco mais de 2 milhões de pessoas, ou quase 80% de toda a população do estado de Western Australia. O coração dessa área é Perth City, que tem pouco menos de 14 km2, está localizada nas margens norte do rio Swan e inclui os subúrbios de Crawley, East Perth, Nedlands, Northbridge, Perth e West Perth. Banhada pelo Oceano Índico e com um imenso rio atravessando na cidade, não é de se estranhar que Perth tem uma grande vocação para as atividades aquáticas. Outro grande atrativo é o Kings Park, com seus 400 hectares muito bem distribuídos com áreas para piqueniques, churrasqueiras, caminhadas e eventos culturais, além de linda vista para o rio e para a cidade. Nos arredores, a menos de 10 km, a zona portuária de Fremantle é a parte mais antiga de Perth e também a mais descolada, com diversas atrações. De lá, a 45 minutos de balsa, chega-se a Rottnest Island, ilha com águas cristalinas perfeita para quem deseja mergulhar, surfar, velejar ou simplesmente relaxar sem ir muito longe de Perth.
    • 4) Acomodação em Perth

      Muito importante, ao pesquisar um lugar para morar em Perth, que este seja próximo à escola ou que seja facilmente acessível via transporte público. Dividimos as acomodações em dois tipos, de acordo com a duração da viagem:

      Curto prazo

      Hostels Backpackers (Albergues)

      Os hostels são boas opções para quem deseja economizar com acomodação. Os quartos em geral são coletivos, mas também há de casais e individuais. Preferidos dos viajantes jovens, os ambientes são bem descontraídos, de muita socialização e, com isso, muito procurados nas altas temporadas.

      Lodges

      São espécies de pousadas que oferecem quartos individuais, de casais e coletivos. O ambiente é menos agitado e mais privado do que os hostels, os preços são um pouco mais caros, mas ainda mais em conta do que os hotéis.

      Longo prazo

      Homestay (casa de família)

      A WEST 1 recomenda que, pelo menos nas primeiras semanas, o estudante se hospede em uma homestay, que são casas de famílias australianas ou de imigrantes que já estão há muitos anos no país. É lá que o estudante começa a ter contato com a cultura australiana, exercita o que aprende na escola, conhece a cidade e tira dúvidas. Para participar deste tipo de programa, as famílias são credenciadas pelo governo australiano, o que garante total segurança para o estudante.

      Share accommodation

      Após o período da homestay, o estudante já está mais familiarizado com a escola e a cidade. Sentindo-se mais independente, o passo seguinte é dividir um apartamento ou um quarto com outros estudantes, muitos deles de nacionalidades diferentes, o que é uma experiência muito bacana, além de ser ótimo para aprimorar o idioma. O aluguel, na maioria das vezes, é pago semanalmente, e antes de se mudar é preciso depositar o famoso “bond”, que nada mais é do que um adiantamento que varia de duas a quatro semanas do aluguel.
    • 5) Trabalho em Perth

      Na Austrália, assim que as aulas começam, o estudante pode trabalhar 40 horas por quinzena (e em tempo integral durante as férias). Para isso, é importante abrir uma conta de estudante em um banco e fazer o Tax File Number, um registro junto ao Australian Taxation Office que permitirá receber do empregador e se acertar com o imposto de renda. Recebendo mais de dois milhões de visitantes por ano, Perth tem na prestação de serviços a sua principal indústria, empregando, em 2013/14, cerca de 24% da força de trabalho. Isso inclui trabalhos casuais, de meio período ou tempo integral nas áreas de hotelaria, alimentação, bebidas, limpeza, vendas no comércio e construção civil. Uma particularidade de Western Australia são os trabalhos na indústria de mineração, que no mesmo período acima respondia por 11%.
    • 6) Atrações em Perth

      Em Perth, não deixe de visitar o Kings Park, o maior parque da cidade com 400 hectares e espaços para piqueniques, churrascos e caminhadas. Lá dentro, visite o War Memorial. A poucos minutos, próximo ao Perth Entertainment Centre, a Perth Arena, inaugurada em 2012, é a casa dos grandes shows ao vivo e dos esportes em Western Australia. O design e a tecnologia são de tirar o fôlego. Outra atração da cidade é o Swan River, com diversas atrações nas margens e no próprio rio. A menos de 10 km, Fremantle é a zona portuária com sua atmosfera bem descolada e dezenas de cafés, restaurantes, artesãos e músicos, além dos famosos Art Centre, Maritime Museum e Fremantle Markets. Saindo de balsa, Rottnest Island é perfeita para mergulho, pesca, vela, passeios de bicicleta e, claro, surfe. Rottnest Island oferece melhores praias do que a região metropolitana de Perth, onde quebram boas ondas entre abril e novembro. A praia mais conhecida da região metropolitana é Scarborough. Mas o melhor surfe de Western Australia, disparado, é em Margaret River, a aproximadamente 3h30 de carro ao sul de Perth, com ondas de todos os tipos e para todos os gostos. Uma vez em Margaret River, vale explorar o vinho e a gastronomia, já que a região é conhecida internacionalmente pelos ótimos exemplares que produz. Para o interior do estado, Wave Rock, com seus 15 metros de altura por 110 de cumprimento, é uma verdadeira obra de arte da natureza, que reproduz uma onda gigante em granito. Outro capricho da natureza são as rochas multicoloridas em forma de colméia que estão dentro do Purnululu National Park, em Bungle Bungle, noroeste do estado. Essa região chama-se Kimberley, é uma área inóspita conhecida como uma das últimas fronteiras da Austrália, onde estão os desertos Gibson e Great Sandy, imensos desfiladeiros, uma cratera com mais de 120 km causada pela queda de um meteorito e reservas com crocodilos de água doce. Também no noroeste do estado está o parque marinho Shark Bay, mais um Patrimônio Natural da Humanidade na Austrália listado pela UNESCO, habitat de diversas espécies ameaçadas de extinção, além de muitas plantas consideradas novas pela ciência.

    Mapa de PERTH