WEST 1 Intercâmbio
  • Nossos Destinos
  • Austrália
  • Canadá
  • Irlanda
  • Nova Zelândia
  • Sobre nós
  • Blog
  • Nossos Serviços
  • Sobre a WEST 1
  • Social Media links
  • West 1 TV
  • Escolas e Cursos
  • Agências
  • Ouvidoria
  • Fale Conosco
  • DARWIN

    Snapshot

    Overview

    Overview

    › População:

    145.916 (Censo / 2016)

    › Área:

    3.163,8 km² (Censo / 2016)

    › Fuso Horário:

    Em relação ao horário de Brasília +13h

    › Código Telefônico:

    61

    › Localização (Região):

    Northern Territory

    › Data de fundação:

    1869

    › Índice de melhor cidade para se viver:

    Não há/não localizado.

    › Densidade demográfica:

    46.1205 hab./km² (Censo 2016)

    › Custo de vida:

    Estimativa mensal para uma pessoa (sem aluguel): AUD$ 1,195.47

    › Temperatura média:

    Mínima média anual: 17 °C Máxima média anual: 35 °C

    Climate

    Climate

    Darwin possui um clima tropical com duas principais estações: uma úmida e outra seca. Pela proximidade da Ásia a região é altamente influenciado pelo Ciclo Anual das Monções, uma variação climática que ocorre na porção Sul e Sudeste da Ásia. As temperaturas normalmente são previsíveis ficando em torno dos 30 °C durante todo o ano.

    Lifestyle

    Lifestyle

    Darwin oferece um estilo de vida único, em conexão com a natureza e com o deserto australiano, sem deixar de oferecer a infraestrutura adequada ao intercambista com transporte eficiente, comércio diversificado, educação e lazer.

    History

    History

    Os Larrakia, povo aborígene, foram os primeiros habitantes da área que posteriormente iria ser conhecida como Darwin. Esses povos possuíam rotas comerciais com o Sudeste Asiático e importavam mercadorias do sul e oeste da Austrália. Por volta de 1600, os holandeses desembarcaram na Austrália e passaram a viver na área após serem expulsos das Ilhas Tiwi pelo povo local. Quem batizou a região como Darwin, foi o britânico John Clements Wickham que desembarcou no local em setembro de 1839, em homenagem a Charles Darwin, todavia o nome só se tornou oficial em 1911.
    A região teve importante papel na segunda guerra mundial, recebendo mais de 10 mil soldados australianos e aliados. A mesma frota que a bombardeou Pearl Harbour também atacou a região em fevereiro de 1942, sendo este o ataque mais sério que a Austrália recebeu durante a guerra.
    Após o período a cidade se reergueu passando por um boom de crescimento com estradas que ligavam a região a Alice Springs, Monte Isa, e a Barragem de Manton que foi extremamente importante para o abastecimento de água da cidade. Em Janeiro de 1959, Darwin recebeu o status de cidade.

    Cost of Living

    Cost of Living

    Estimativa mensal para uma pessoa (sem aluguel): AUD$ 1,195.47

    Public Transport

    Public Transport

    Assim como em diversas outras cidades australianas em Darwin, tudo é muito próximo, por isso não existem grandes dificuldades para se locomover pela cidade. Um meio de transporte utilizado é a bicicleta, mas a cidade também conta com uma excelente infraestrutura de transportes com os principais meios concentrados no centro.

    Estude e trabalhe
    em DARWIN

    Com estilo pacato e agradável, Darwin é uma cidade impar na Austrália, pois apesar de ser litorânea ela também está parcialmente localizada na região desértica conhecida como Outback. As paisagens deslumbrantes do local, com natureza selvagem e muitas belezas, dão espaço a uma faceta moderna e cosmopolita da cidade que foi nomeada em homenagem ao evolucionista Charles Darwin.

    Você sabia?

    • 'Crocosauro Cove'

      O Crocosauro Cove é um parque no qual você pode mergulhar em uma gaiola envidraçada e ficar cara a cara com crocodilos. Dá pra encarar?
    • 'Festival Seabreeze'

      O Seabreeze é um enorme show de talentos que reúne toda a comunidade no mês de maio para celebrar os talentos e cultura local.
    • 'World Solar Challenge'

      A cidade é sede da mais famosa corrida de carros movidos a energia solar e atrai todos os anos competidores de diversas partes do planeta.
    • 'Darwin Beer Can'

      O Darwin Beer Can é um evento onde as pessoas constroem barcos a partir de latas de cerveja, latas de refrigerante, garrafas e caixas de leite, na esperança de que eles flutuem na água.

    Saiba tudo sobre intercâmbio em DARWIN

    Conhecida como a Capital Tropical da Austrália, Darwin está localizada no Mar do Timor, próximo ao sudeste Asiático e com fácil acesso a destinos paradisíacos como Bali. A cidade se desenvolveu em um penhasco baixo com vista para o porto que é um dos mais importantes da Austrália.
    A cidade é a menor e mais ao norte das capitais australianas e consegue equilibrar com primor a natureza e a vida selvagem com o agito de bares, restaurantes e grandes festivais.

    FAQ

    • 1) Por que estudar em Darwin

      Multicultural e com uma incrível mistura de nacionalidades, Darwin é um destino incrível para se estudar inglês na Austrália. A cidade está cercada por belas paisagens e parques nacionais, além de oferecer uma economia de rápido crescimento e uma baixa taxa de desemprego. O território Norte, no qual está localizado Darwin, vem se desenvolvendo ao longo dos anos tendo como principais setores a agricultura e turismo além de ser rico em recursos naturais e minerais. Isso oferece ao estudante internacional uma oportunidade única de poder realizar estágios na indústria que irão proporcionar o desenvolvimento de habilidades prontas para o trabalho em suas profissões com os empregadores locais. A cidade consegue mesclar com maestria o clima urbano com o Outback, além de oferecer oportunidades únicas de estar próximo a natureza como é o caso do Parque Nacional Kakadu que possui cerca de 20.000 km2 de selva e é lar de crocodilos, cangurus, wallabies, papagaios e cobras.
    • 2) 5 motivos para estudar em Darwin

      1. Cidade multicultural com diversos festivais culturais étnicos e mercados semanais de comida e artesanato.
      2. Capital moderna vibrante e dinâmica que oferece uma ampla variedade de acomodações, cafés, restaurantes e opções de vida noturna para viajantes de negócios e lazer.
      3. Os moradores locais calorosos e acolhedores.
      4. Principal centro de serviços para uma ampla gama de indústrias, incluindo mineração, produção offshore de petróleo e gás, turismo e horticultura tropical.
      5. Possibilidade de cruzar o deserto australiano em passeios 4×4 e conhecer um dos principais símbolos da Austrália o Uluru, ou The Rock.
    • 3) Sobre Darwin

      Conhecida como a Capital Tropical da Austrália, Darwin está localizada no Mar do Timor, próximo ao sudeste Asiático e com fácil acesso a destinos paradisíacos como Bali. A cidade se desenvolveu em um penhasco baixo com vista para o porto que é um dos mais importantes da Austrália. A cidade é a menor e mais ao norte das capitais australianas e consegue equilibrar com primor a natureza e a vida selvagem com o agito de bares, restaurantes e grandes festivais.
    • 4) Acomodação em Darwin

      Os custos de acomodação variam de acordo com o estado, a cidade e o tipo escolhido. Mas, independentemente do seu destino, na hora de pesquisar um lugar para morar tenha sempre em mente a distância em relação a sua escola e a acessibilidade via transporte público. Dito isso, vamos aos principais tipos:  

      Curto prazo

      Hostels Backpackers (Albergues)

      Os hostels são boas opções para quem deseja economizar com acomodação. Os quartos em geral são coletivos, mas também há de casais e individuais. Preferidos dos viajantes jovens, os ambientes são bem descontraídos, de muita socialização e, com isso, muito procurados nas altas temporadas.  

      Lodges

      São espécies de pousadas que oferecem quartos individuais, de casais e coletivos. O ambiente é menos agitado e mais privado do que os hostels, os preços são um pouco mais caros, mas ainda mais em conta do que os hotéis.  

      Longo prazo

      Homestay (casa de família)

      A WEST 1 recomenda que, pelo menos nas primeiras semanas, o estudante se hospede em uma homestay, que são casas de famílias canadenses ou de imigrantes que já estão há muitos anos no país. É lá que o estudante começa a ter contato com a cultura local, exercita o que aprende na escola, conhece a cidade e tira dúvidas. Para participar deste tipo de programa, as famílias são credenciadas pelo governo, o que garante total segurança para o estudante.  

      Share accommodation

      Após o período da homestay, o estudante já está mais familiarizado com a escola e a cidade. Sentindo-se mais independente, o passo seguinte é dividir um apartamento ou um quarto com outros estudantes, muitos deles de nacionalidades diferentes, o que é uma experiência muito bacana, além de ser ótimo para aprimorar o idioma.
    • 5) Trabalho em Darwin

      Na Austrália, assim que as aulas começam, o estudante pode trabalhar 40 horas por quinzena (e em tempo integral durante as férias). Para isso, é importante abrir uma conta de estudante em um banco e fazer o Tax File Number, um registro junto ao Australian Taxation Office que permitirá receber do empregador e se acertar com o imposto de renda. Em Adelaide, devido a grande vocação da cidade para a área de serviços, trabalhos nas indústrias de restaurante e hotelaria, seja na cozinha, servindo, na arrumação e recepção são bastante comuns, assim como trabalhos na construção civil.
    • 6) Atrações em Darwin

      Darwin é uma cidade linda e repleta de coisas legais para se fazer. Com praias de tirar o fôlego a cidade abriga reservas naturais como o Crododile’s Park, o Territory Wildlife Park, o Aquascene e o Indo Pacific Marine um aquário incrível que apresenta corais vivos, cavalos-marinhos, peixes-palhaços, água-vivas e borboletas além de parques selvagens como o Jardim Botânico e a reversa East Point, que tem um lado de água salgada para se refrescar.

    Mapa de DARWIN